segunda-feira, 31 de março de 2014

Rogério Minotouro leva MMA para o Internacional Shopping

Lutador do UFC inaugura, às 18h desta segunda, academia Team Nogueira em Guarulhos


A boxeadora Duda Yankovich e o lutador de MMA Rogério "Minotouro" Nogueira


Will Siqueira


O lutador de artes marciais mistas (MMA) Rogério “Minotouro” Nogueira está em Guarulhos e ficou das 13h às 16h no Internacional Shopping promovendo a inauguração de sua academia – em parceria com o irmão dele, Rodrigo “Minotauro” –, a Team Nogueira. Os irmãos lutam na organização UFC.

A academia Team Nogueira de Guarulhos é a mais nova unidade da rede de academias que leva o mesmo nome. E será inaugurada hoje, às 18h, na Avenida Doutor Timóteo Penteado, 2832, na Vila São Judas Tadeu.

A fim de promover a Team Nogueira, foi organizado no espaço de eventos do Internacional Shopping um evento com aulas demonstrativas de MMA, ministradas pelos professores da unidade de Guarulhos, e fotos com Minotouro, além de autógrafos do lutador.

O evento também contou com a presença da boxeadora Duda Yankovich. A brasileira foi campeã mundial de boxe feminino de 2006 a 2009.


Público do Internacional pôde ver treinamento de MMA gratuitamente durante três horas





 
 

Metalúrgicos param a ABB de Guarulhos

Trabalhadores se recusaram a trabalhar hoje de manhã; eles reivindicam PLR maior, pagamento linear e 40 horas semanais


Da Redação

Os trabalhadores da multinacional ABB de Guarulhos fizeram uma paralisação dos serviços às 7h30 desta segunda. De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região, que comanda a paralisação, o motivo é a falta de negociações por parte da empresa.

Segundo o Sindicato, a "greve" está acontecendo de forma pacífica e a principal reivindicação dos funcionários é o aumento no valor da Participação nos Lucros e/ou Resultados (PLR). "A adesão é maciça”, afirma Josinaldo José de Barros (Cabeça), vice-presidente do Sindicato. “A ABB é multinacional, mas paga PLR de empresa pequena”, contesta. 

Outra distorção: os trabalhadores de salário mais alto recebem PLR maior. “Queremos igual para todos, pois todo mundo ajuda a fábrica a produzir e a lucrar”, diz o sindicalista.
 
Ainda de acordo com Cabeça, os trabalhadores também estão mobilizados por uma jornada de 40 horas semanais. A fábrica de Guarulhos tem jornada de 42 horas - na matriz, na Suécia, trabalham-se 36,7 horas, segundo o Sindicato. Os metalúrgicos querem eleger delegado sindical.
 
Empresa de grande porte, com cerca de 1.400 trabalhadores, a ABB não fornece café da manhã. O diretor Célio Malta critica: “Funcionário que quiser café tem de acionar uma máquina e pagar”. 



 

Gilberto Costa escala segundo time contra o Jabaquara

Treinador do Guarulhos fez vários testes no jogo-treino de sexta-feira contra o Jabaquara, em Santos


Will Siqueira

O técnico Gilberto Costa continua fazendo vários testes na equipe do Guarulhos a fim de encontrar uma forma ideal do time jogar até a estreia na Segunda Divisão do Campeonato Paulista (o primeiro jogo será no dia 5 de abril). Assim, contra o Jabaquara no jogo-treino realizado na última sexta, ele escalou um time completamente diferente daquele que empatou com a Portuguesa Santista, na quarta (26).

Costa deu folga aos jogadores considerados titulares e aproveitou para avaliar os demais atletas do elenco. O resultado da partida contra o Jabaquara foi 6 a 0 para o time da Baixada, que está montado há mais tempo. Mas, segundo Julio Santos, vice-presidente do Guarulhos, o resultado desse jogo-treino foi o que menos importou, já que o teste era realmente analisar quais as condições do grupo como um todo.

O treinador observou todas as posições do time. A tendência é de que o time cresça durante o Campeonato Paulista. A partida de estreia do Guarulhos será diante do Nacional, time da capital paulista, fora de casa.

 

Flamengo perde para Sertãozinho e sai do G8 da Série A3


Rubro-negro de Guarulhos foi derrotado por 2 a 0 e corre risco de não se classificar para a segunda fase


Will Siqueira

Faltando apenas três rodadas para o término da primeira fase da Série A3 do Paulistão, o Flamengo de Guarulhos corre risco de não se classificar após a derrota para o Santacruzense por 2 a 0, ontem, no Estádio Municipal Deputado Leônidas Camarinha, na cidade de Santa Cruz do Rio Pardo.

Agora, o Corvo ocupa a décima posição na tabela, com 22 pontos, ficando fora do grupo das oito equipes que garantem vaga para a segunda fase do campeonato. O time do técnico João Vallim está há um ponto do G8. Quem está na oitava colocação é o Votuporanguense, que tem 23; mas o Sertãozinho possui os mesmos 23 pontos, em nono.

Com a derrota, a segunda seguida, o Flamengo complicou a sua situação porque enfrentará na próxima rodada o Rio Preto, líder do campeonato (31 pontos); depois irá encarar o Votuporanguense e a Matonense, que também brigam pela classificação à próxima fase.

Ao bater o Flamengo dentro de casa, a Santacruzense saiu do Z4 (zona do rebaixamento). Pulou do 18º para o 15º lugar, com 18 pontos. Os gols do time de Santa Cruz foram marcados por Bruno Paiva e Araujo, ambos aos 38 minutos de cada tempo.

Na quarta, o Flamengo pegará o Rio Preto no Estádio Nicolau Alayon, na Barra Funda, zona oeste de São Paulo - o mando de jogo é dos guarulhenses.

O técnico João Vallim e seus comandados terão de vencer duas partidas para se garantir na próxima fase




  

quinta-feira, 27 de março de 2014

População desaprova a atuação dos políticos de Guarulhos

Guarulhenses estão desinteressados pela política; nem sabem que são os candidatos a deputado estadual e federal pela cidade

Will Siqueira


As condições de vida em Guarulhos estão muito ruins, é o que afirma a maioria da população da cidade. Na quarta-feira (26), o Folha do Ponto foi às ruas para saber das pessoas o que elas pensam sobre a política exercida aqui e o que acham dos candidatos guarulhenses a deputados estaduais e federais, e avaliação foi péssima.
Todos os entrevistados, a maioria de bairros distantes do centro, disse que os políticos guarulhenses não fazem nada para melhorar a vida das pessoas. As críticas mais pesadas foram em relação à saúde, ao transporte e à educação.
Mas um detalhe chamou a atenção: nenhum dos entrevistados sabe quem são os candidatos a deputado estadual e federal por Guarulhos neste ano. Pior: sequer lembravam em quem votaram nas eleições de 2010 (que envolvia os mesmos cargos políticos: presidente, governador, deputado federal e deputado estadual).
Por não se interessar por política ou por desacreditar dos políticos devido a tantos escândalos de corrupção, há pessoas que nem sabem quais cargos estarão em disputa em outubro.
Só em Guarulhos haverá quase 40 candidatos a deputado federal e estadual – tentando o cargo pela primeira vez ou a reeleição. Alguns deles: Carlos Roberto, Janete Pietá, Alencar Santana, Wagner Freitas, Alan Neto, Jorge Tadeu, Guti, Geraldo Celestino.
Porém, mesmo com tantos nomes, os guarulhenses estão preferindo anular ou deixar em branco o seu voto. Afora aqueles que não tem opinião formada e preferem votar em qualquer um na hora da eleição. Veja o que os entrevistados disseram:

 Kaique Oliveira, do Parque Continental 2: “Vou votar nulo porque não confio em ninguém; ainda não nasceu uma pessoa que vai nos representar bem. Guarulhos tem muito desvio de dinheiro, é gente grande tomando dos pequenos e os pequenos não têm voz”.

José Carlos da Silva, do Jardim Presidente Dutra: “Não lembro em quem votei na eleição de 2010. Na realidade, a gente nem conhece o cara, vai mais embalo dos outros. Guarulhos, como todo o país, deixa a desejar; precisa melhorar muito a saúde e a educação”.

Eliana de Souza da Silva, da Vila Fátima: “Não lembro em quem votei para deputado na eleição passada e ainda não sei em quem vou votar; ainda não vi ‘o cara’ que fará a mudança. A saúde está péssima, a educação, o transporte...”.

Clemente Bandeira dos Santos, do Gopouva: “Nem mexo com política, não compensa. Os caras não fazem nada pelo povo e quando fazem, fazem coisa errada. Tá tudo errado, vou votar em branco”.

Rodrigo Leite, da Vila União: “Tem muito desemprego. Eu, por exemplo, estou desempregado, isso é a pior coisa. Sou brasileiro, mas não concordo com a Copa no Brasil; estão gastando muito dinheiro que podia ser investido em geração de emprego”.

Gisele Iuassaca, da Vila Augusta: “Não sei para quais cargos são as eleições deste ano (rápida explicação da reportagem). Acho todos eles uma grande porcaria, é muita roubalheira. Não quero nem saber quem são os candidatos para este ano”.

Stephany Pantano de Lima, do Jardim Adriana: “Não sei quem são os candidatos a deputado. Existem muitos problemas e isso evidencia que eles (políticos) não cumprem com o seu dever. Tem de eleger alguém novo, os que estão aí são ruins e a gente já conhece”.

Julyana Zappa, do Torres Tibagi: “Não sei quem são os candidatos a deputado neste ano, vou votar em branco. As coisas estão jogadas às traças. Quem tem o poder nas mãos não resolve. Há um esquema muito forte entre eles, são todos comparsas”.

João de Lima da Silva, do Jardim Lenize: “A situação na cidade está muito ruim, a saúde está precária. Para deputado votei no Carlos Roberto na eleição passada. Não lembro se ele fez alguma coisa por Guarulhos, mas, neste ano, vou votar nele de novo”. 

Guarulhos enfrenta o Jabaquara nesta sexta-feira

   Depois de ter empatado em 1 a 1 com a Portuguesa Santista, em Santos, ontem, o Guarulhos volta a Baixada nesta sexta para realizar mais um jogo-treino. Dessa vez, contra o time do Jabaquara. A partida será no campo do adversário, às 10h.
    O alviazul guarulhense está encerrando a sua preparação para a estreia na Segunda Divisão do Campeonato Paulista 2014, que ocorrerá no dia 5 de abril.
  A equipe que irá a campo contra o Jabaquara será totalmente diferente da que enfrentou a Portuguesa, de acordo com o técnico Gilberto Costa. “Os jogadores que levei na quarta-feira, eu já conheço. Agora, quero observar outros; para saber com quem eu posso contar”, afirmou o treinador.
  Gilberto Costa e sua equipe estão no grupo 6 da Segundona, com Nacional (com quem faz o primeiro confronto), Ecus Suzano, Guarujá, União Suzano e Taboão da Serra.

Edição 234

quinta-feira, 13 de março de 2014

Cursos de capacitação





162 mil novas vagas em cursos de capacitação, 17 carretas e o novo Programa Vaga Certa são as novidades do Via Rápida Emprego para 2014. Os cursos rápidos atendem as principais necessidades do mercado de trabalho e quem está desempregado recebe uma bolsa de R$ 460. Pelo Vaga Certa, os alunos terão acesso a oportunidades de estágio e emprego gratuitamente






Jornal Folha do Ponto - Edição 232