quarta-feira, 7 de maio de 2014

Guarulhos: tudo ou nada contra o Nacional

Gilberto Costa não é mais o técnico do Índio. Ele deixou o cargo nessa terça


Treinador permaneceu no clube durante apenas dois meses

Will Siqueira

O Guarulhos está numa situação muito delicada na Segunda Divisão do Paulistão, é o último colocado em seu grupo, com apenas três pontos, e necessita desesperadamente da vitória no próximo sábado, às 15 horas, no Estádio Antônio Soares de Oliveira para continuar com possibilidade de classificação para a fase seguinte.

Só que o adversário da sexta rodada – primeira do segundo turno do campeonato – é ninguém menos que o líder do grupo 6, o Nacional. O primeiro confronto entre os dois, em São Paulo, terminou 1 a 0 para o time da capital.

Em cinco partidas, o Índio conseguiu apenas uma vitória sob o comando de Gilberto Costa, que deixou o clube nessa terça. A informação é de que houve um acordo amigável entre diretoria e treinador.

Edson Lino, que era auxiliar-técnico de Gilberto e já cuidava da equipe antes da chegada dele, assumiu interinamente o cargo de treinador do Guarulhos. “Foi uma surpresa a saída do Gilberto, mas nós já conhecíamos o Lino; também é um ótimo profissional”, comentou o volante Alex Fernandes da Silva.

Com relação à situação do time na Segundona, os jogadores dizem que o time irá mudar de postura e conseguirá reagir.“Estamos motivados. Mudou o treinador, é outra filosofia de trabalho, e o time está encorpado e compacto”, garantiu o meia Felipe Gonçalves.

Nenhum comentário :

Postar um comentário