terça-feira, 27 de maio de 2014

Radar meteorológico de Lontras (SC) está quase finalizado

Montagem do equipamento custou R$ 10 mi e funcionará 24 horas por dia 


Fotos: Paulo Cesar Santos/Defesa Civil 


O radar catarinense já é considerado um dos mais modernos da atualidade

Da Redação

O radar meteorológico que está sendo instalado no município de Lontras, no Alto Vale do Itajaí, em Santa Catarina, está quase concluído. Ele ficará envolto a uma bola protetora, a radome. A bola foi construída com fibra de vidro e está recebendo os últimos gomos.

De acordo com o diretor de Projetos Especiais da Defesa Civil de Lontras Emerson Emerin, a radome será içada e acoplada de forma fixa no alto da torre. A peça resiste a até 250 quilômetros de velocidade do vento.

A radome pesa cerca de três toneladas e mede dez metros de altura por 12 de diâmetro

Ao mesmo tempo que os gomos da bola são colocados, estão sendo realizados ajustes finais na antena para que ela seja içada - ela será a primeira peça a ser levada ao alto da torre, que possui 27 metros de altura. O responsável pela içamento da torre será um guindaste capaz de erguer 300 toneladas.

Segundo Emerson Emerin, está faltando apenas reapertar os quatro mil parafusos e vedar com silicone toda a estrutura da radome para que ela fique pronta e o radar esteja em operação - isso depende de condições climáticas estáveis.

Foram investidos R$ 10 milhões na fabricação do radar meteorológico, que irá funcionar 24 horas por dia. O radar de Lontras captará informações sobre o clima as quais serão transmitidas para um banco de dados e comparados a outras ferramentas de monitoramento do clima.

A quantidade de municípios monitorados é acima de 190, o que equivale a uma cobertura de rastreamento do radar em 77% do estado de Santa Catarina.

O radar terá capacidade para abranger 200 quilômetros em linha reta

De acordo com Rafael Rocha, gerente de Tecnologia da Informação da Defesa Civil de Lontras, a equipe que irá operar o radar meteorológico deve fazer uma bateria de testes no mês que vem. O radar ficará a 900 metros de altitude, acima do nível do mar.


Nenhum comentário :

Postar um comentário